TANGHETTO

Madrugada de sábado, acabei de chegar do show do Tanghetto no teatro da UFPE; os Argentinos da banda dão uma roupagem eletrônica ao tango, com muitos samplers, projeções bem legais, e além do repertório autoral fazem alguns covers, hj por exemplo rolou sting e blue monday do New Order, enfim, algo digno de ser visto e ouvido.

Mas… O motivo deste post foi registrar minha consternação frente à duas situações, a primeira diz respeito ao público presente, metade do teatro tava vazio… Algo que me deixa profundamente entristecido, meio que desesperado , e que fez sair do teatro com ar de perdedor, com a sensação de que nunca mais verei o grupo por aqui, já que certamente alguém levou prejuízo, eles ou quem os trouxe…Falta de mídia? Falha da produção? Assesoria? Acho que tudo junto.

Prova dessa falta de comunicação, foi a nota que o blog Social segunda passada , dizendo que o show seria do BAJOFONDO, que faz um som parecido ao do TANGHETO, salientando inclusive que uma das músicas era sucesso de uma novela Global, algo como um salvo-conduto, uma menção honrosa que atestasse o talento do grupo; ao passo que o mesmo blog ao perceber o erro, não se deu sequer ao trabalho de corrigir o equívoco, limitando-se a postar no dia do show a notícia corrigida, como se nada tivesse acontecido.

Entretanto, abro agora minha caixa de emails e me deparo com um panfleyo virtual dando conta de que o show de uma “banda” de forró que gravará um DVD fantástico, óbvio com letras bem legais e ritmos nunca antes ouvidos por aqui, simplesmente já esgotou todos os ingressos colocados à venda, e olha que o show será Junho ou Julho… E aí pergunto, tem alguma coisa errada acontecendo? Ou é assim mermo que a banda toca?

Sou profissional de comunicação e não deveria estar discutindo o tema, sei como a coisa funciona mas minha indignação vem da constatação de que cada vez mais estamos sendo bombardeados pela mesma contra-cultura, e pela indútria da mediocridade aqui instalada que prospera e se profissionaliza à passos largos; fazendo com que espaços criados para grandes ou pequenos espetáculos de qualidade, se rendam ao lixo cearense, pernambucano e Bahiano, em nome do lucro e da renda fácil.

Ver um lugar legal, charmoso e com estilo londrino, por isso batizado de THE PUB ; botar no palco um sujeito chamado Geraldinho Lins; ou uma casa super bacana chamada AUDREY(sim, alusão à HEPBURN) abrir espaço pra um grupo de pagode na noite da sexta, e só pra fechar, o restaurante FRIDA, um dos lugares mais interessantes e bem decorados no estilo mexicano que há nessa cidade, fazer festas com patusco,e d`breck, sinceramente me deixam convicto de que essa cidade não é séria, e de que definitivamente não há espaços pra tudo(ecletismo), mas de que espaços dispostos à tudo, inclusive a tornarem-se desde a concepção, mais do mesmo.

Podcast

Lembro que certa vez conversei rapidamente com minha amiga Blogger, a jornalista Camila Nascimento acerca de um artigo científico sobre Podcasts que ela tava desenvolvendo e confesso que à época minha curiosidade pueril não se aprofundou no tema, como sempre, graças à minha habitual necessidade de priorizar as pendecias do trabalho em detritemento da minha vida “real”.

Mas… Tempos depois a justiça divina foi feita e tive a feliz oportunidade “concreta” de me deparar com o formato; que de cara me chamou a atenção por possibilitar aos excluídos pelo mainstream o direito à “cidadania” , o espaço que não têm nas mídias convencionais, especificamente o Rádio comercial.

Assim, enquanto a idéia de montar minha programação autoral via podcast não decola, princi palmente por questões técnicas; recomendo dois sites super legais onde você pode conhecer o formato(caso ainda não o tenho descoberto), e ouvir música boa e de qualidade(Pop e Eletrônica); ambos desenvolvidos por dois caras super bacanas.

1- Blog Do Kid

Uma das maiores autoridades em música do Brasil, hj sem espaço na mídia nacional, e que graças ao formato Podcast, bota no ar seu programa semanal. Se vc curte música de qualidade(Folk , Rock, Indie, Pop) e gosta de ficar bem informado. vale à pena ouvir(O player fica do direito no topo da página).

2- Soulshadow

Loja de música eletrônica Paulista do produtor e Dj Ivan, Cara super legal que conheci em Janeiro, nessa página ele publica a agenda de shows e hospeda podcasts com vários set lists maravilhosos; o foco é a música eletrônica, Gótico, EBM, Industrial, Dark Wave, Synth e Future Pop.

E é isso galera, Bom feriado e bjo pra todos!!!!!!!!

Bajofondo em Recife

Lembra a música de abertura da novela A favorita… aquela mistura de tango com música eletrônica e um toque de jazz? A canção instrumental é do Bajofondo, grupo que, junto com o Gotan Project e o Tanghetto, divulgam pelo mundo o chamado eletrotango. Pois o Recife, pela primeira vez, recebe um grupo do gênero. O sexteto argentino do Tanghetto faz show, sábado, no Teatro da UFPE. Programa imperdível pro fim de semana!

Efeito Iron Maiden

Parece que o lucrativo megashow do Iron Maiden em Recife ano passado, e o recente sucesso do do A-ha com ingressos esgotados e pânico na entrada do Chevrollet Hall, fez a direção da casa acordar pra vida, e perceber que nem só de brega vive essa cidade suja e mal educada.
Prova disso, o show do Simply Red semana que vem, e segundo o Blog Social, The Cramberries quase acertado. E pensar que anos atrás os Pet Shop Boys foram cancelados pela produção da casa, que não acreditava no retorno show.
Queira Deus que a era das trevas, leia-se o império do Axé/Forró/Pagode, tenham chegado ao fim, ao menos encontrado um Rival qualificado pra disputar a audiência…

Morrisey

Essa é uma das músicas que mais curto do Morrisey; depois do mergulho nos anos 80 , uma breve visitada nos 90 pra ouvir um dos grandes ícones do Pop mundial!!!!!

The more you ignore me
the closer i get
you’re wasting your time
the more you ignore me the closer i get
you’re wasting your time
I will be
in the bar
with my head
on the bar
I am now
a central part
of your mind’s landscape
whether you care
or do not
yeah, I’ve made up your mind
the more you ignore me
the closer i get
you’re wasting your time
Beware!
I bear more grudges
than lonely high court judges
when you sleep
I will creep
into your thoughts
like a bad debt
than you can’t pay
take the easy way
and give in
yeah, and let me in
It’s war

Quanto mais você me ignora, mais perto eu chego
Você está perdendo tempo
Quanto mais você me ignora, mais perto eu chego
Você está perdendo tempo

Estarei no bar
Com minha cabeça no balcão
Sou agora a parte principal da paisagem de sua cabeça
Gostando você ou não
Sim, eu fiz sua cabeça

Quanto mais você me ignora, mais perto eu chego
Você está perdendo tempo

Cuidado!
Quando você dormir
Eu rastejarei em seus pensamentos
Como uma conta que você não pode pagar
Tome o caminho mais fácil e desista
E me deixe entrar
Oh, me deixa entrar
Oh, me deixa…
Oh, me deixa entrar

É guerra
É guerra
É guerra
Oh, me deixe entrar
Ah, eu chego perto
Ah, você está pedindo por isso…

Saudades dos Anos 80 II

Fim de semana de trabalho e pura nostalgia…

Por essas e outras me tornei radialista, uma “secura” tremenda de empurrar música ouvido a dentro de quem quer que seja…
Mas confesso que neste fim de semana em especial, tô saudosista demais, viajando demais, sentindo saudades de lugares, pesssoas, cenários, sensações e sentimentos que se foram com os anos. Saudade grande, enorme.