Sem paciência I

Quanto mais o tempo passa, mais aumenta a minha convicção de que nada, absolutamente nada, pode me fazer abrir mão da liberdade; definitivamente não nasci pra ser infeliz; não aceito dividir meu prazer em respirar , não ter hora, não ter tempo, mas ao mesmo tempo ter tudo, tudo, tudo, tudo que mais faz bem , sempre perto e à mão.

Quem quiser que conjecture acerca das infinitas possiblidades de ser feliz casado; do meu lado, prefiro acreditar que posso ser feliz com alguém sim, desde que esse alguém esteja no seu canto, longe de mim!!!!!!! Pelo menos até em que num belo dia sua ausencia me pareça incontornável, e sua presença por 24 horas, imprescindível.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s